Localizado no noroeste da América do Sul, o Equador é uma pequena nação de 16 milhões de habitantes cujo território é cortado pela cordilheira dos Andes. Sua economia se destaca pela produção de banana (um dos maiores exportadores mundiais), café e cacau, mas metade das exportações equatorianas é oriunda das reservas de petróleo. Uma grave crise econômica faz o Equador adotar o dólar americano como moeda oficial no ano 2000.

O catolicismo é seguido por mais de 90% dos equatorianos, cuja composição populacional é formada por cerca de 75% de descendentes da mistura entre o colonizador europeu e indígenas.

O campo do Equador foi aberto por Missões Mundiais em 1981. Atualmente, o trabalho missionário por lá enfatiza a plantação de igrejas, capacitação de líderes e capelania, além da revitalização de igrejas.

Uma das preocupações atuais é a chegada de refugiados venezuelanos ao país. A população local, em sua maioria, deseja que eles deixem o Equador. Um grupo chegou a queimar o local onde havia trabalhos missionários com venezuelanos. Até veneno na comida deles já colocaram. Nossos irmãos venezuelanos passaram a desconfiar de todos que tentam lhes oferecer ajuda. O que prejudica a evangelização.  

Adote este campo missionário.

Seja um voluntário neste campo.

PEPE

Missões Mundiais está presente neste e em outros 28 países através do PEPE (programa socioeducativo), levando esperança ao coração da criança e alcançando também suas famílias. São cerca de 20 mil meninos e meninas beneficiados com educação de qualidade e uma refeição diária em cerca de 600 unidades. No Equador, há 21 unidades que atendem a mais de 250 crianças. Para saber mais, acesse: www.pepe-network.org

Adote o PEPE