Oriente Médio: resposta de intercessão

31 de julho de 2017

Alegre-se conosco pelas respostas de oração alcançadas especialmente no último mês, quando muitas pessoas no Oriente Médio foram resgatadas das mãos de terroristas do Estado Islâmico. Algumas voltaram para suas famílias, enquanto outras foram encaminhadas a campos de refugiados. No entanto, sabemos que há quem continue desaparecido, mas louvamos a Deus pelas vidas libertas.

Em nossa visita a essa região, conhecemos e tivemos o privilégio de almoçar na casa de um comandante militar local, um homem de humildade e gentileza notáveis, reconhecido por seus atos heroicos e que arriscou a própria vida em defesa de seu povo quando da invasão do Estado Islâmico, em 2014.

Conversando na casa dele, o comandante pediu oração, confessando que gostaria que seu filho fosse como um de nossos irmãos ali presentes, um bravo líder cristão local. Assim, pedimos a Deus que atenda ao pedido do comandante, alcançando o coração do filho, mas também estendendo a salvação para toda a família.

De fato, o nosso Deus é o Senhor dos exércitos, e cremos que o comandante reconheceu a autoridade divina sobre a vida do nosso irmão. Que o nosso Deus nos ensine e ajude a combater com coragem o bom combate, com todas as armas que ele colocou a nossa disposição (Efésios 6.14-18), para a glória do seu santo nome.

Por outro lado, as mulheres que foram feitas escravas sexuais e aquelas que engravidaram dos extremistas não têm sido bem-vindas de volta ao seu povo. O índice de suicídio, especialmente entre mulheres, jovens e adolescentes é alto. Precisamos clamar a Deus por socorro. De fato, um advogado da ONU para sobreviventes de violência sexual instou todos os iraquianos a aceitarem de volta as mulheres que sofreram nas mãos do Estado Islâmico e evitar a sua estigmatização, bem como prestar apoio aos sobreviventes e seus filhos.

Há poucos dias, o governo iraquiano anunciou a completa libertação da cidade de Mossul. A batalha contra o Estado Islâmico começou em 2016 e somente agora a libertação foi alcançada, depois de muitas mortes e destruição.

Conhecidos nossos que escaparam de Mossul dizem que o mais difícil é mudar a mentalidade das pessoas que habitam aquela região. Eles mesmos acreditam que essa mudança é fundamental para que o terrorismo acabe.

Como igreja do Senhor, nós conhecemos a resposta para esta situação. Sabemos que somente o Espírito Santo, através da Palavra, pode mudar a mente humana e convencê-la dos seus pecados, assim como fez e continua a fazer em nós. A Palavra precisa ser compartilhada. Agora, será um árduo trabalho de restauração, reedificação, não somente daquela região, mas especialmente dos corações das pessoas afetadas pela batalha. São multidões traumatizadas pelos horrores vividos, precisando de cura e de novas perspectivas de vida. Sabemos que o bálsamo para estas feridas profundas somente o Senhor Jesus possui, ele é a ressurreição e a vida (João 11.25).

Marzuq e Sarah Marques
missionários no Oriente Médio

ADOTE ESTE CASAL MISSIONÁRIO


2 respostas para “Oriente Médio: resposta de intercessão”

  1. Olineide disse:

    Louvado seja Deus!
    Pela vida e coragem dos queridos irmãos de está lá,proclamando o amor de Cristo.. sempre tenho orado por todos os missionários .

  2. Gilsioney Ferreira da Silva disse:

    Parabéns ao casal que se dispôs a servir o Senhor em regiões tão difíceis. Nossas orações é que o senhor Jesus continue abençoando e colocando seu maravilhoso amor na vossas vidas.

Comente o Artigo

O seu endereço de email não será publicado.