Irã: libertação de prisioneira cristã

7 de agosto de 2017

Depois de quatro anos cumprindo pena por “conduzir propaganda contra o regime islâmico e agir contra a segurança nacional”, a iraniana Maryam mat_iran_nasimNaghash Zargaran, mais conhecida como “Nasim”, foi libertada da prisão na última terça-feira (1) em Teerã. Sua condenação esteve diretamente ligada à conversão de Nasim, hoje com 36 anos, ao cristianismo, segundo informa o Ministério Elam.

“Louvamos a Deus porque, na terça-feira (1), Maryam Naghash Zargaran – também conhecida como Nasim – foi libertada da prisão”, diz a nota assinada por David Yeghnazar, diretor executivo do Ministério Elam. “Ela estava encarcerada na prisão de Evin, em Teerã, há mais de quatro anos sob acusações à sua fé cristã e ministério”, completa.

A soltura de Nasim estava prevista para o primeiro trimestre, porém só aconteceu na semana passada. Ela tinha sido detida por forças iranianas em agosto de 2013. Nasim, que tem a saúde muito frágil, passou por momentos difíceis nesses quatro anos de cárcere, e seu quadro se agravou em junho de 2016. Na época, Missões Mundiais pediu oração por Nasim em sua página no Facebook.
A Nasim foi constantemente negada assistência médica adequada durante os cerca de quatro anos de prisão.

“Agradecemos a você por suas orações fiéis por Maryam durante vários anos. Ela se manteve fiel ao Senhor. Eu quero pedir a você para continuar orando por sua restauração física e emocional depois desse tempo de intensa provação e sofrimento, bem como por sabedoria para seguir em frente”, conclui a nota do Ministério Elam.

Nasim é uma entre tantos cristãos presos no Irã por causa da fé em Jesus, mesmo que oficialmente não seja este o motivo de suas condenações na Justiça do país. O pastor iraniano Farshid Fathi foi preso em dezembro de 2010 e libertado em abril de 2016 também em situações parecidas com a de Nasim.

Continue apoiando com suas orações e ofertas a igreja sofredora no Irã e em todo o mundo.

por Willy Rangel

ADOTE UM MISSIONÁRIO OU PROJETO


Uma resposta para “Irã: libertação de prisioneira cristã”

  1. Maria Nair Lisik disse:

    Deus, seja louvado pela libertação dessa irmã em Cristo! Quero dizer que continuarei orando por ela, e por todos os missionários! Que Deus esteja fortalecendo em tudo o que for necessário!

Comente o Artigo

O seu endereço de email não será publicado.