Ajuda aos venezuelanos

16 de abril de 2018.

SOS PostDiariamente, vemos nos noticiários a chegada de venezuelanos ao Brasil. Eles têm se concentrado na cidade de Boa Vista, capital de Roraima, em busca de assistência humanitária e proteção. A inflação crescente, a escassez de alimentos e remédios, a violência e a agitação política estão fazendo com que milhares de venezuelanos sejam forçados a fugir do próprio país. Há venezuelanos que, sem dinheiro para pagar passagens de vinda para o Brasil, decidem caminhar em busca de carona para percorrer os 218 km da BR-174 que separam Pacaraima e Boa Vista.

Sensibilizadas com a atual situação dos venezuelanos, pessoas de várias partes do Brasil estão atendendo ao clamor destes refugiados e se inscrevendo na caravana SOS Venezuela, promovida pelo programa Voluntários Sem Fronteiras, de Missões Mundiais, em parceria com a Junta de Missões Nacionais, a Convenção Batista de Roraima e a Convenção Batista Brasileira.

Estão programadas duas caravanas com ações que levarão ajuda humanitária, compartilhando o amor de Cristo de forma prática. Uma acontecerá entre os dias 05 e 15 de maio e a outra de 16 a 26 de julho. As inscrições devem ser feitas o quanto antes pelo e-mail: [email protected].

O número de venezuelanos que buscam refúgio em todo o mundo aumentou 2.000% desde 2014. No ano passado, o aumento foi particularmente acentuado nas Américas, inclusive no Brasil, que recebe mais de 800 venezuelanos por dia. Queremos levar-lhes: atendimentos médicos, aulas de Português, atividades recreativas, evangelismo infantil e evangelismo pessoal. Nossa maior necessidade é por voluntários na área de saúde: clínico geral, ginecologista, pediatra, nutricionista, fisioterapeuta, psicólogo, dentista, enfermeiros. Mas voluntários de todos os perfis são bem-vindos.

Também há necessidade de recursos financeiros. DOE AGORA.

 

Anuncie o grande Eu Sou aos venezuelanos

Segundo um pastor de Boa Vista, existe uma rua por lá que já ficou conhecida como a “Rua dos 80 reais”, pois ali mais de uma centena de jovens venezuelanas se prostituem todos os dias para poder comprar algum alimento para suas famílias.
Muitas das pessoas que hoje estão mendigando em Roraima são profissionais qualificados (médicos, engenheiros, arquitetos, professores, executivos…), mas que diante da crise em seu país, decidiram fugir com suas famílias para o Brasil.
O Presidente da Convenção Nacional Batista da Venezuela, Pr. Carlos Rodríguez, é grato pelo apoio de Missões Mundiais e pede aos batistas brasileiros que orem, principalmente por estes motivos: que muitos conheçam a Cristo pela pregação do Evangelho, que se levantem novos missionários e futuras igrejas e que haja provisão econômica para o sustento dos projetos missionários.
Queremos que os venezuelanos encontrem aqui no Brasil a verdadeira esperança, que é Cristo e, um dia, possam retornar ao seu país e espalhar a semente que faça florescer os frutos de uma nação temente a Deus.
Use seus dons e talentos para levar esperança aos venezuelanos em Boa Vista/RR nos meses de maio e julho. Mais informações: [email protected]

 

por Marcia Pinheiro

 

DOE ESPERANÇA

 



Comente o Artigo

O seu endereço de email não será publicado.