"Caminho de Volta"

7 de outubro de 2016

O seriado “Caminho de Volta”, produzido e dirigido pela missionária Renata Santos em Guiné-Bissau, já está no 25º dos 40 mat_arte_caminho-de-voltaepisódios previstos. Além disso, os primeiros episódios estão sendo traduzidos (a língua original é o crioulo) para cinco línguas, dentre as quais o português, idioma oficial do país africano com o objetivo de lançar o seriado em DVD.

A missionária Renata está diretamente envolvida no processo de tradução, dublagem e edição, porém não será possível lançar toda a série em DVD até o fim do ano, apenas os dez primeiros episódios.

“Vamos lançar o programa em cinco línguas, sendo quatro das etnias mais populosas daqui de Guiné-Bissau (fula, balanta, papel e bijago) e também em português, para que você aí no Brasil possa assistir a nosso trabalho também em sua casa”, diz Renata. “Os tradutores das línguas locais trabalham no ritmo do país e não conseguiram entregar os textos traduzidos a tempo de lançar a série em DVD ainda este ano, que é meu objetivo”, explica.

Quanto à dublagem, serão trabalhados grupos de seis a dez pessoas para cada língua, para explicar o contexto, ensaiar as mat_guine-bissau_seriadovozes para caber as falas e sincronizá-las com o movimento de boca das personagens e só então partir para a procura de um estúdio.

“Precisaremos conseguir conciliar o tempo de todas essas quase 50 pessoas para fazer 200 horas de gravação de voz e depois sincronizar cada uma em cada capítulo, cena e frame”, conta a missionária.

Renata ressalta a batalha espiritual que tem sido esse momento de seu ministério.

“Tivemos muitas dificuldades nas transmissões do nosso programa nos últimos tempos e acredito que o principal motivo é que o tema que estamos trabalhando agora é a feitiçaria contra o poder de Deus”, diz. “Estamos em um país onde quase 100% da população teme o poder dos espíritos, mesmo aqueles que frequentam as igrejas. Iniciamos, neste mês de setembro, uma campanha de jejum e oração e, através desse processo, Deus tem renovado minha fé e força”, destaca.

Uma meta da missionária é também traduzir para o programa de TV para o francês, a fim de alcançar nações vizinhas.

“Os frutos desse seriado são inegáveis. Em todos os lados por onde ando nesta terra, ouço pessoas falando do programa, e isso alegra meu coração. O fato de saber que o nome de Jesus está sendo propagado e bem aceito nesta nação é maravilhoso”, afirma Renata. “Conto com suas orações”, conclui.

por Willy Rangel

ADOTE ESTA MISSIONÁRIA


3 respostas para “"Caminho de Volta"”

  1. CARLOS FREDERICO CHARRET BRANDT disse:

    Maravilhoso. Foi assim que o filme “Jesus, o evangelho segundo Lucas” alcança grande número de pessoas para Cristo em todo o mundo. O Senhor leve a cabo essa obra por meio das vossas vidas. Glórias a Deus.

  2. Olá, graça e paz!
    Me chamo Hérica e sou da PIB de Buerarema-Ba. Vi no slide das missoes mundiais o projeto “Caminho de volta”, lá tinha uma parte em que dizia “ore para que Deus levante profissionais de comunicação e atores”, pois bem, sou da área de Comunicação Social-Radio e Tv, estou cursando o 6 semestre e me interessei pelo projeto. Também faço parte de teatro e gosto de atuar, principalmente para Deus. Gostaria de saber como posso ajudar.

    Deus abençoe!

    Att,
    Hérica Lima.

Comente o Artigo

O seu endereço de email não será publicado.