Argentina: projeto para universitários

14 de novembro de 2017

Algo de especial tem acontecido na Argentina. Desenvolvido na região da cidade de Posadas, uma cidade universitária devido à grande quantidade mat_argentina_feira-universitariade jovens que ali se dirigem para cursar o ensino superior, o Espaço Universitário está apresentando o Evangelho a vários desses alunos. E a mais recente oportunidade foi uma feira para estudantes que estão concluindo o ensino médio e se preparando para a universidade em 2018.

“Conseguimos um espaço onde nos revezamos diariamente e, assim, tivemos contato com muitos estudantes e professores que passaram por nosso estande. Foram seis dias de muito movimento nos quais divulgamos nosso trabalho aos estudantes e, desta maneira, oferecemos nossos serviços de apoio ao estudante universitário”, relata João Luiz Dutra, missionário associado em Posadas, Argentina. “Essa iniciativa levou o grupo a estar mais unido e visualizar o que Deus está nos mostrando através desse projeto”, acrescenta.

O Espaço Universitário funciona atualmente ao lado da igreja em Posadas, com três salas equipadas, com ar condicionado, cozinha e uma equipe que se reveza diariamente das 8h às 18h, de segunda a sexta-feira.

“Os jovens vêm para estudar e receber tutorias, e acabam conhecendo a Jesus e se integrando ao grupo. Hoje somos um grupo de 50 jovens que atuam em diversas áreas de projeto com o objetivo de fazer Cristo conhecido através de suas vidas”, destaca o missionário.

Outra frente de atuação de João Luiz e a esposa, missionária Cláudia Dutra, é a revitalização da igreja, com formação de liderança e regularização mat_argentina_igreja-posadasda documentação legal para funcionar dentro das leis argentinas.

“Graças a Deus, várias famílias estão chegando em resposta a nossas orações, e várias crianças estão sendo alcançadas através do trabalho que estamos desenvolvendo aos sábados à tarde em nossa Hora Feliz”, compartilha o missionário.

Segundo João Luiz Dutra, o amor de Cristo tem sido demonstrado de forma prática aos vizinhos do templo, que têm sido alcançados, como aconteceu com a senhora Mariza.

“Ela tem câncer, e os médicos a mandaram para casa para ficar com a família nos últimos dias de vida. Nossos irmãos que são seus vizinhos foram visitá-la e perceberam a necessidade daquela mulher. Prontamente passaram a ajudar levando alimentação e ajudando em sua higiene e casa”, diz Dutra.

Quando o missionário visitou Mariza, ficou surpreso quando ela contou sobre o tempo que frequentou uma escola bíblica para crianças e aprendeu sobre Jesus.

“E agora tinha medo de estar frente a frente com Jesus e não ter seus pecados perdoados. Então conversamos com aquela senhora, explicamos o plano de salvação, e ela aceitou a Jesus como seu Senhor e Salvador. Assim, oramos e agora ela está sendo acompanhada pela igreja nesse tempo difícil”, conta o missionário, segundo quem várias situações assim estão ocorrendo.

“Jovens estão chegando à igreja pedindo orações e ajuda porque estão sendo atormentados com sonhos e visões que lhes apavoram. Entendemos que essas também são oportunidades que o Senhor nos tem dado para orar por essas pessoas e ensinar-lhes sobre o amor de Deus, porque somente Deus pode libertar essas jovens da opressão maligna”, conclui.

por Willy Rangel

ADOTE UM MISSIONÁRIO OU PROJETO


Comente o Artigo

O seu endereço de email não será publicado.